Procurando Clínicas?
A Associação ABCD com seu conhecimento vai ajudar você!
Masculina
Feminina
Fechar x
Localizar Clínicas

Mais de 1.000 mil
Clínicas e Profissionais Cadastrados!

+55 11 4551-8052 / 95305-6199

Busca por Internação Psiquiatrica em Nova Iguacu - RJ ?


Confira em nosso site clinicas de reabilitação em Nova Iguacu - RJ

Confira em nosso Guia de Clínicas, clínicas de reabilitação em Nova Iguacu - RJ tratamento de dependentes químicos, internação e plantão 24hs, possuimos serviços de internação compulsória, consulta psicologica, consulta psiquiatrica, monitoramento 24 horas em Nova Iguacu - RJ . Temos um centro especializado em Nova Iguacu - RJ pra reabilitação e tratamento voluntário e involuntário. As clínica de recuperação em Nova Iguacu - RJ , oferece Tratamento para Dependentes de Drogas, Alcoolismo e Tratamento Feminino - Internação Involuntária.


Clínica de Recuperacao Ágape

Grupo Ágape - Masculino e Feminino

Tratamento médico especializado de baixo Custo e excelente qualidade em relação a maioria das outras clinicas particulares para Dependente de Drogas e Álcool, atendemos todas as Cidades do Brasil com internação voluntária e involuntária. Temos equipe de resgate 24 Horas para qualquer cidade do Brasil.

CONFIRA! NOVO CONVENIO COM A ABCD PARA VAGAS NA UNIDADE MASCULINA

Telefones: 11 - 4551-8052 / 4551-8052 / 11 - 95305-6199
Site:www.clinicaderecuperacaoagape.com.br

Associação Brasileira de Combate as Drogas

Associação Brasileira de Combate as Drogas

Curso / Palestra Sobre Drogas - Como Prevenir, Identificar e Tratar um Dependente Químico. Você pode estar dando abrigo a um traficante ou a um usuário dentro de sua casa sem saber! Solicite um curso ou uma palestra em sua cidade, empresa, escola e condominio.

Se você esta com duvidas sobre o assunto DROGAS e precisa de orientações nossa equipe esta a sua disposição para ajudar!

Site:www.abcddasdrogas.com.br

Ágape - Remoção de Pacientes para Internação Involuntária

Ágape - Remoção de Pacientes para Internação Involuntária

A Ágape Remoções é uma empresa especializada no resgate de pacientes para encaminhamento a clinicas de recuperação para tratamento involuntário em todo o territótio nacional.

Temos ambulâncias próprias e equipe especializada em resgate. Melhor preço do Brasil.

Telefones: (11)95305-6199
Site:www.clinicaderecuperacaoagape.com.br/remocao.html

Casa de Recuperação Esperança

Casa de Recuperação Esperança

Tratamento de baixo Custo para Dependente de Drogas e Álcool, Atendemos todas as Cidades de São Paulo com Internação Voluntária.

Acesse nosso site e confira fotos e como chegar na clinica.

Telefones: (11)95305-6199
Site:www.casaderecuperacaoesperanca.com.br

Instituto Santa Tereza D'ávila

Os diversos tratamentos hoje oferecidos em Nova Iguacu - RJ para o tratamento da dependência química podem ajudar você e seus familiares na busca de uma solução definitiva para os problemas, porém quando procurar por internação psiquiatrica em Nova Iguacu - RJ fique atendo aos alvarás e certificados exigidos para o pleno funcionamento das entidades. Caso tenha dúvidas em Nova Iguacu - RJ sobre a entidade busque mais informações sobre internação psiquiatrica em outras cidades , pois internação involuntário hoje só é permitida no Estado de São Paulo.

__________ ≈ __________


Grupo Interdisciplinar de Estudos de Álcool e Drogas

Se você esta procurando por internação psiquiatrica na sua cidade ou em Nova Iguacu - RJ conte com nosso Guia de Clinicas de Recuperação e encontre a melhor forma de lidar com o assunto. Hoje em Nova Iguacu - RJ o assunto internação psiquiatrica esta tendo maior destaque pois o crescimento das drogas a nível nacional forçou não só a cidade de Nova Iguacu - RJ a dar maior atenção ao assunto internação psiquiatrica mais a grande maioria das cidades de nosso País.

__________ ≈ __________


Secretaria Municipal de Saúde

A OMS ( Organização Mundial da Saúde ) reconhece a dependência química como doença por este motivo moradores de qualquer canto do pais inclusive em Nova Iguacu - RJ podem solicitar o auxilio doença para tratamento. Procure se informar e saber mais sobre internação psiquiatrica .

__________ ≈ __________


Associação Beneficente Lar do Progredir Infinito

Problema com drogas na sua empresa em Nova Iguacu - RJ conte com nosso Guia de Clinica de Recuperação para consultar sobre internação psiquiatrica sempre que necessitar. Nosso Guia de Clinicas de Recuperação também possui um cadastro de entidades como a ABCD – (Associação Brasileira de Combate as Drogas) que oferece palestras sobre internação psiquiatrica em Nova Iguacu - RJ ou em qualquer outra cidade do País.

__________ ≈ __________


CADA - Casa de Apio ao Dogado e ao Alcoólatra

O assunto “DROGAS” depois de muito tempo e a beira de uma epidemia com o crack hoje esta sendo bem divulgado pela mídia de massa, porém aqui em Nova Iguacu - RJ o assunto internação psiquiatrica ainda não esta sendo tratado com a devida atenção. Por este motivo nos tornamos parceiros da ABCD – Associação Brasileira de Combate as Drogas, pois esta entidade vem tratando o assunto internação psiquiatrica em diversas cidades do país, inclusive em Nova Iguacu - RJ com carinho e atenção.

__________ ≈ __________


Informações sobre a cidade de Nova Iguacu - RJ
Nova Iguaçu

Rio de Janeiro - RJ

Histórico

Após a divisão do Brasil em capitanias hereditárias, as terras que hoje constituem o Município de Nova Iguaçu ficaram por muito tempo relegadas a completo abandono. Foi depois de 1566 que se registrou na região a existência de sesmarias, as quais, com o correr dos anos, se foram modificando e concorrendo, desse modo, para a gradativa colonização dessa zona da Baixada Fluminense, em torno dos rios, especialmente do Iguaçu. Com o aumento da população, surgiram várias freguesias, destacando-se a de Nossa Senhora da Piedade de Iguaçu, também conhecida como Nossa Senhora da Piedade do Caminho Velho, cuja criação data de 1719.

A prosperidade agrícola da região vem dos tempos em que foram concedidas as primeiras sesmarias. Os cursos fluviais existentes, não só fertilizavam as terras, como também serviam de via de comunicação com a Cidade do Rio de Janeiro, para onde se escoava a produção. Cultivavam-se extensas áreas, que produziam quantidades consideráveis de arroz, feijão, mandioca e principalmente cana-de-açúcar. O café, cuja cultura se tentou introduzir na região, não deu os resultados esperados, o que redundou no abandono do plantio.

Situada à margem do rio Iguaçu, a sede da vila prosperou bastante, chegou a tornar-se um dos empórios da Cidade do Rio de Janeiro, fazendo chegar seus produtos por via fluvial ou terrestre. O progresso da região levou o Governo a conceder-lhe autonomia, efetivada por Decreto de 15 de janeiro de 1833. A Vila instalou-se a 27 de julho do mesmo ano.

A decadência, que se verificou a partir da segunda metade do século XIX, na localidade de Iguaçu, decorreu, paradoxalmente, das inovações progressistas introduzidas no território fluminense. As cidades, vilas, povoações surgem da noite para o dia ao longo das estradas, enquanto localidades antiquíssimas desaparecem rapidamente.

Tão logo se iniciou o tráfego da Estrada de Ferro D. Pedro II, atual Central do Brasil, verificou-se o abandono da via fluvial, que determinou o desvio da zona da influência comercial e agrícola para as bordas orientais do Município.

Entre as localidades que surgiram à margem da via férrea, tomou rápido impulso a denominada Maxambomba, para onde, a 1º de maio de 1891, se transferiu a sede do Município.

Ainda no mesmo ano, a 1891 de junho, o Decreto n.º 263 elevava a vila à categoria de cidade. Somente a 9 de novembro de 1916 foi o topônimo da mesma mudado para Nova Iguaçu.

Com a realização das grandes obras de saneamento na Baixada Fluminense, o Município voltou a progredir. Para esse ressurgimento, muito contribuíram as facilidades de comunicação com a Guanabara, dando rápido escoamento aos produtos agrícolas e valorizando extraordinariamente suas terras cultiváveis.

Gentílico: iguaçuano

Formação Administrativa

Elevado à categoria de vila com a denominação de Iguaçu, pelo decreto de 15-01-1833, desmembrado dos termos de Niterói de Vassouras e Magé. Constituído de 6 distritos: Jacutinga, Queimados, Nossa Senhora da Piedade de Iguassu, Mereti, Palmeiras e Pilar. Instalado em 27-07-1833. Pela lei provincial n.º 14, de 13-04-1835, a vila foi extinta.

Elevada novamente à categoria de vila com a denominação Iguaçu, pela lei n.º 57 de 01-12-1836.

Pelo decreto provincial nº 813, de 06-10-1855 e decretos estaduais nº s 1, de 08-05-1892 e de 1-A, de 03-06-1892, é criado o distrito de Santana das Palmeiras e anexado à vila de Iguaçu. Pelo decreto estadual n.º 204, de 01-05-1891, transferiu sede do município de Iguaçu. para a povoação de Maxambomba

Pelos dectretos estaduais nºs 1 de 08-05-1892 e 1-A, de 03-06-1892, são criados os distritos de Piedade de Iguaçu, Queimados e São João de Meriti e anexado à vila de Maxambomba.

Elevado à condição de cidade e distrito com a denominação de Maxambomba, pelo decreto-estadual n.º 263, de 19-06-1891 e lei estadual nº 1634, de 18-11-1919.

Em divisão administrativa referente ao ano de 1911, o município se denomina Iguaçu e se compunha de 6 distritos: Jacutinga, Queimados, Nossa Senhora da Piedade de Iguaçu ex-Piedade de Iguaçu, São João de Meriti, Santana das Palmeiras e Pilar.

Pela lei estadual n.º 1331, de 09-11-1916, a sede do município passou a denominar-se Nova Iguaçu.

Distrito criado com a denominação de São Mateus, sede em Engenheiro Neiva, pela leis estaduais nºs 1332, de 09-11-1916 e 1634, de 18-11-1919 e anexado ao municípío de Nova Iguaçu.

Pela lei estadual nº 1528, de 25-11-1918, o distrito de Pilar passou a denominar-se Xerém.

Pela lei estadual nº 1634, de 18-11-1919, o distrito de Santana das Palmeiras passou a denominar-se Santa Branca, São João de Meriti a denominar-se Pavuna, e Xerém para Estação João Pinto.

Pela lei estadual nº 1705, de 06-10-1921, o distrito de São Mateus passou a denominar-se Nilópolis.

Pela lei estadual nº 1799, de 08-01-1924, o distrito de Santa Branca passou a denominar-se Bonfim e Cava ex-Nossa Senhora da Piedade de Iguaçu a denominar-se Estação José Bulhões.

Pelo decreto estadual nº 2559, 14-03-1931, é criado o distrito de Caxias e anexado ao município de Iguaçu. Pelo decreto estadual nº 2595, de 28-05-1931, o distrito de Estação João Pinto voltou a denominar-se Pilar.

Pelo decreto estadual nº 2601, de 28-05-1931, é criado o distrito de Estrela e anexado ao município de Iguaçu, distrito formado com parte do distrito de Pilar.

Em divisão administrativa referente ao ano de 1933, o município é constituído de 9 distritos: Nova Iguaçu, Bonfin ex-Palmeiras, Caxias, Cava ex-Nossa Senhora da Piedade de Iguaçu ex-Estação José Bulhões, Estrela, Nilópolis, Pilar ex-Estação João Pinto ex-Xerém, Queimados e São João de Meriti ex-Meriti.

Assim permanecendo em divisões territoriais datadas de 31-XII-1936 3 31-XII-1937. O distrito de São João de Meriti passa a se denominar simplesmente Meriti.

Pelo decreto estadual n.º 641, de 15-12-1938, é criado o distrito de Belford Roxo e anexado ao município de Nova Iguaçu. Sob o mesmo decreto é extinto o distrito de Pilar, sendo seu território anexado ao distrito de Estrela do mesmo município de Nova Iguaçu.

No quadro fixado para vigorar no período de 1939-1943, o município é constituído de 9 distritos: Nova Iguaçu, Belford Roxo, Bonfim, Cava, Caxias, Estrela, Meriti, Nilópolis e Queimados.

Pelo decreto-lei estadual n.º 1.055, de 31-12-1943, confirmado pelo decreto-lei estadual nº 1056, de 31-12-1943, desmembra do município de Nova Iguaçu os distritos de Caxias, Meriti, Bonfim e Imbariê ex-Estrela alterado pelas mesmas leis acima citadas, para formar o novo município com a denominação de Duque de Caxias.

No quadro fixado para vigorar no período de 1944-1948, o município é constituído de 5 distritos: Nova Iguaçu, Belford Roxo, Cava, Nilópolis e Queimados.

Por ato das disposições constitucionais transitórias, promulgado em 20-06-1947, desmembra do município de Nova Iguaçu o distrito de Nilópolis. Elevado à categoria de município.

Elevado à condição de cidade com a denominação de Nilópolis pela lei estadual nº 6, de 11-08-1947.

Pela lei estadual nº 1472 de 28-04-1952, são criados os distritos de Mesquita e Japeri e anexado ao município de Nova Iguaçu. Em divisão territorial datada de 1-Vll-1955, o município de Nova Iguaçu é constituído de

6 distritos: Nova Iguaçu, Belford Roxo, Cava, Japeri, Mesquita e Queimados.

Assim permanecendo em divisão territorial datada de 1-VII-1960.

Pela lei estadual nº 1640, de 03-04-1990, desmembra do município de Nova Iguaçu o distrito de Belford Roxo.

Elevado à categoria de município. Pela lei estadual nº 1773, de 21-12-1990, desmembra de Nova Iguaçu, o distrito de Queimados. Elevado à categoria de município. Pela lei estadual nº 1902, de 02-12-1991, desmembra do município de Nova Iguaçu, o distrito de Japeri. Elevado à categoria de município.

Em "Síntese" de 31-XII-1994, o município é constituído de 3 distritos: Nova Iguaçu, Cava e Mesquita.

Em divisão territorial datada de 15-VII-1997, o município é constituído do distrito de Sede. Pela lei estadual nº 3253, de 25-09-1999, é desmembrado do município de Nova Iguaçu o distrito de Mesquita. Elevado á categoia de município.

Em divisão territorial datada de 2003, o município é constituído do distrito sede.

Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2007.

Alteração toponímica municipal

Iguaçu para Nova Iguaçu, teve sua denominação alterada por força do decreto-lei estadual nº 392-A, de 31-03-1938.


Clínica Ágape Cotia



Últimas Notícias

Primeiro internado à força deixa clínica
Programa reduz uso de drogas entre jovens
Profissionais são capacitados para prevenir e reprimir drogas
Combate ao crack será intenso
Detran MS divulga eventos da Semana Nacional de Trânsito 2013
Ministério da Justiça oferece curso gratuito sobre prevenção às drogas
São Bernardo inaugura segundo Caps Álcool e Drogas da cidade
Estado dobra número vagas para comunidades terapêuticas; investimento de R$1,544 milhão
SSP forma profissionais para atuarem no Programa Crack, é possível vencer
Caps Álcool e Drogas será entregue no Alvarenga neste terça
Ministério da Justiça promove curso de prevenção do uso de drogas
Passeata contra o crack e outras drogas reúne moradores de São Sebastião
Liberação da maconha medicinal pode chegar antes do ano novo
Prorrogado prazo para consulta pública sobre Comunidades Terapêuticas
Médicos poderão prescrever derivado de maconha no país
Em 7 meses, Anvisa libera 238 pedidos de importação de canabidiol
Fundo Nacional Antidrogas realiza leilão de bens em João Pessoa (PB)
Lei antifumo agora vale para todo o país
Portaria regulamenta medidas de proteção ao trabalhador exposto ao fumo
Conselho Gestor proíbe bebidas alcoólicas e grandes festas na USP
Escócia aprova lei que reduz o nível de álcool permitido no sangue para motoristas
Plano de saúde custeia canabidiol para pacientes
Médicos britânicos querem indicação de calorias em bebidas alcoólicas
Flórida rejeita uso medicinal da maconha em referendo
Capital dos EUA e estado de Oregon aprovam legalização da maconha
No TO, trabalho com a terra ajuda na reabilitação de dependentes químicos
FBI tira do ar sucessor do site de venda de drogas Silk Road
Conad debate uso medicinal da cannabis no Brasil
Micro-ônibus com câmeras vai tentar combater drogas e crimes, no Paraná
Nova York admite posse de pequenas quantidades de maconha


Mais Procurados

Clínicas gratuitas para dependência quimica em Vila Extrema - RO Clínica Gratuita em Vila Extrema - RO Tratamento Gratuito em Vila Extrema - RO Clínica de recuperação Gratuita em Vila Extrema - RO