Tratamento Alcoolismo

Este site oferece ajuda para quem busca informações sobre tratamentos para o alcoolismo e muito mais.

O consumo de bebidas alcoólicas sempre foi encarado como uma norma social. Em muitas culturas, beber fortalece os laços sociais e, assim, naturalmente torna-se um costume, praticamente uma tradição. No entanto, quando encaramos a questão fora do ponto de vista social, mas sob o aspecto do problema do abuso do consumo de álcool, percebemos o quanto isso pode afligir uma pessoa. O uso excessivo de bebidas alcoólicas pode ser fatal em certas condições.

O alcoolismo é a dependência do consumo de álcool e da necessidade compulsiva de beber cerveja, vinho e outras bebidas alcoólicas. Trata-se de uma doença psicológica na qual os alcoólatras acreditam que precisam consumir bebidas até certos níveis em que elas já são mais do que suficientes. Eles vêem a bebida como uma forma de fuga da realidade e como uma maneira de diminuir a dor emocional. Há um forte desejo de beber que ocasiona a perda de auto-controle e leva a uma incapacidade de parar, além de causar a dependência física e uma alta tolerância a quantidades cada vez maiores de álcool para obter um estado emocional de prazer, no qual a pessoa se sente bem.

O alcoolismo é uma doença crônica ?

O alcoolismo é uma doença crônica muito comum e seus sintomas são descritos em pessoas há milhares de anos. O impulso para a bebida pode ser comparável à necessidade de água e comida para estas pessoas. Existe tratamento alcoolismo, mas não a cura completa.

O tratamento do alcoolismo inclui a internação em clínica de recuperação especializada para quem aceita e não aceita, do sexo masculino ou feminino, onde recebem medicação e aconselhamento. Diferentes abordagens são utilizadas e variam de programa para programa, para ajudar uma pessoa a parar de beber.

Independentemente de se realizar uma internação voluntária ou involuntária, é estritamente necessário que se faça a recuperação com equipe profissional e multidisciplinar, e em um excelente ambiente.

No tratamento do excesso de álcool medicamentos orais e injetáveis são utilizados para diminuir o desejo e a dependência, bem como para diminuir os sintomas da abstinência, como ansiedade e agitação, ajudando a manter o paciente abstênio e proporcionando um resultado eficaz, ajudando-o a se libertar do álcool.

Efeitos do Álcool

Um dos efeitos mais alarmantes do abuso de álcool é a negação. O alcoólatra busca sempre uma maneira de racionalizar a sua necessidade de beber e muitas vezes pode até mesmo recorrer à violência física extrema. O alcoolismo afeta a saúde, o trabalho, os relacionamentos, a vida social e, em geral, a estabilidade financeira. Além disso, diminui a expectativa de vida e pode encurtá-la em até quinze anos. Um problema grave muito comum em alcoólatras é o sobrecarregamento do fígado, danificando-o seriamente e reduzindo a sua capacidade de funcionamento, o que termina por impactar todo o organismo.

Quando alguém percebe que tem um problema com o álcool, na maioria das vezes isso acontece após uma série de consequências negativas relacionadas ao uso crônico e excessivo de bebidas alcoólicas.

O objetivo principal de um centro de tratamento é ajudar o alcoólico a encontrar formas de interromper a dependência de beber e abster-se completamente contra os riscos e perigos associados ao abuso de álcool. Alguns dos serviços oferecidos em uma clínica de tratamento especializada são o aconselhamento (individual, familiar e em grupo), terapia, e reuniões para discussão e acompanhamento.

Ao admitir que existe um problema com o álcool, uma pessoa dá o primeiro passo na direção do tratamento alcoolismo, o que talvez seja o passo mais difícil.

Veja Tambem